Tratamento de superfície de aços inoxidáveis

Dep Gestão da Qualidade – Treinamento e Desenvolvimento.
Técnico Responsável – Eng. Amauri G. Guimarães.

Tratamento

 

Tratamento de passivação e decapagem de tubos e conexões dos aços inoxidáveis.

Aço inoxidável

aço inoxidável é uma liga de ferro e crómio, podendo conter também níquel, molibdénio e outros elementos, que apresenta propriedades físico-químicas superiores aos aços comuns, sendo a alta resistência à oxidação atmosférica a sua principal característica. As principais famílias de aços inoxidáveis, classificados segundo a sua microestrutura, são: ferrÍticos, austeníticos, martensíticos, endurecíveis por precipitação e Duplex.

 

Foto de Antes e Depois do tratamento.

 

Estes elementos de liga, em particular o crómio, conferem uma excelente resistência à corrosão quando comparados com os aços carbono. Eles são, na realidade, aços oxidáveis. Isto é, o crómio presente na liga oxida-se em contacto com o oxigênio do ar, formando uma película, muito fina e estável, de óxido de crómio – Cr2O3 – que se forma na superfície exposta ao meio. Ela é denominada camada passiva e tem como função proteger a superfície do aço contra processos corrosivos. Para isto é necessária uma quantidade mínima de crómio de cerca de 11% em massa. Esta película é aderente e impermeável, isolando o metal abaixo dela do meio agressivo. Assim, deve-se ter cuidado para não reduzir localmente o teor de crómio dos aços inoxidáveis durante o processamento. Este processo é conhecido em metalurgia como passivação.

Por ser muito fina — cerca de 100 angstrons — a película tem pouca interação com a luz e permite que o material continue a apresentar o seu brilho característico.

 

A equipe técnica da W-Conex, analisa o tipo de aço inoxidável identificando as 5 famílias com ensaio de PMI (Positive Material Indentification), Austeníticos, FerrÍticos, Martensíticos, Duplex e Endurecíeis Precipitação (PH). Após a identificação das ligas, é realizado uma inspeção visual e dimensional apontando as contaminações e graus de comprometimento de contaminação. Entre essas análises, identificamos PIT, Contaminação por Ions de Fe, Scratch e outras.

Passo a passo:

A passivação dos aços inoxidáveis e recuperação da superfície e película passivadora, É um processo que deve ser realizado periodicamente para manter a superfície de inox limpa e sem corrosão.

 

O processo de Decapagem e Passivação é composto de várias etapas e inclui as etapas a seguir:

1 – Desengraxe e remoção de óxidos leves (sem uso de ácido fluorídrico)

2 – Decapagem com ácidos Fluorídrico e Nítrico

3 – Passivação com Ácido Nítrico

4 – Enxague final com água filtrada livre de contaminantes

5 – Secagem quando necessário

Normas aplicáveis e licenças:

  • ASTM A380 / A380M-13: Standard Practice for Cleaning, Descaling, and Passivation of Stainless Steel Parts, Equipment, and Systems
  • ASTM G93 – 03(2011): Standard Practice for Cleaning Methods and Cleanliness Levels for Material and Equipment Used in Oxygen-Enriched Environments
  • ASTM A967 / A967M-13: Standard Specification for Chemical Passivation Treatments for Stainless Steel Parts.
  • SISTEMA  PETROBRAS: Normas N115 e outras